Subvenção da Assembleia: Relator e mais seis desembargadores do TJ pedem a prisão de dois deputados

0

Em julgamento criminal iniciado hoje, 11, no pleno do Tribunal de Justiça do Estado, seis desembargadores seguiram o voto do relator, o desembargador Roberto Porto, e pediram a condenação dos deputados estaduais Augusto Bezerra (PHS) e Paulinho da Varzinhas (PSC) a 12 anos de prisão pelo suposto uso indevido das verbas de subvenção da Assembleia Legislativa em 2014.  Com isso, já são sete o pedido de condenação à prisão dos dois parlamentares e mais quatro réus denunciados pelo Ministério Público Estadual por formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

Após o voto do relator Roberto Porto, o desembargador Alberto Romeu Gouveia pediu vista do processo. Todavia, os desembargadores Diógenes Barreto, Ricardo Múcio, Osório de Araújo Ramos, Rui Pinheiro e Elvira Almeida anteciparam o voto  acompanhando o relator. Os desembargadores Luiz Mendonça, Edson Ulisses e José dos Anjos optaram por aguardar o voto de vista.

Já a desembargadora Iolanda Guimarães defendeu a ampliação da pena aos réus pelo crime de lavagem de dinheiro. Pediu pena de 17 anos, 11 meses e um dia de reclusão em regime fechado mais pagamento de multa para os deputados Augusto Bezerra e Paulinho da Varzinhas.

Em 2014, ano de eleição, os deputados estaduais tinha R$ 1,5 milhão para destinar a entidades sociais.

Da Redação

Deixe Uma Resposta