São Cristóvão receberá investimentos do Programa Investe Turismo

0

Com atrativos arquitetônicos, religiosos e naturais, São Cristóvão está entre as 30 rotas turísticas selecionadas pelo governo federal e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) que serão beneficiadas com investimentos do programa Investe Turismo. O anúncio foi feito esta semana pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, e objetiva aumentar o movimento turístico no País.

O prefeito Marcos Santana comemorou o anúncio e ressaltou que o setor turístico tem potencial de crescimento econômico e social, gerando emprego e renda para São Cristóvão.

“Estar entre as rotas turísticas selecionadas pelo governo federal comprova nosso potencial turístico. São Cristóvão e Sergipe precisam de incentivos para melhorar a infraestrutura turística e passar a disputar de forma justa com os demais estados do Nordeste”, declarou comentando os investimentos já realizados pela Prefeitura.

“Nossa gestão tem executado ações nesse sentido, como o calendário Turístico e Cultural’ da Cidade Mãe de Sergipe lançado em janeiro. Com ele, o trade turístico trabalha as datas com antecedência, atraindo mais turista para nossa cidade. Também estamos contratando convênio com o Sebrae para planejar o turismo religioso”, afirmou, lembrando que a canonização de Irmã Dulce, anunciada pelo Vaticano este mês, movimenta o turismo religioso local já que a nova santa iniciou sua vida religiosa no município sergipano. “Temos uma riqueza religiosa que atrai turistas de todo o País. Irmã Dulce, pro exemplo, iniciou sua vida religiosa em nossa cidade e será canonizada pelo Vaticano. Já estamos trabalhando para ampliar o memorial sobre ela no município, incluindo mais esse roteiro religioso”.

Quarta cidade mais antiga do País, São Cristóvão possui acervo arquitetônico e religioso que remonta a história colonial brasileira com igrejas, praças e prédios sob responsabilidade do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

De acordo com o Ministério do Turismo, as rotas turísticas selecionadas pelo governo federal, pelo Sebrae e pela Embratur – empresa pública federal responsável pela divulgação do turismo brasileiro no exterior – receberão investimentos, ações de marketing e melhoria de serviços para ampliar o número de turistas.

Esses destinos turísticos responderam, em 2018, por 50,1% do fluxo de turistas nacionais e por 79,1% do fluxo de turistas estrangeiros que visitam o Brasil. Ainda segundo o ministério, o programa – que será uma parceria entre setor público e iniciativa privada – terá um investimento inicial de R$ 200 milhões, oriundos do Sebrae. Ao todo, 158 municípios de todos os 26 estados e mais o Distrito Federal vão ser beneficiados com ações para incentivar a atividade turística.

Técnicos do Ministério do Turismo e do Sebrae irão circular pelas cidades selecionadas para apontar, por exemplo, necessidades de investimentos, como construção de hotéis, restaurantes e melhorias da infraestrutura.

A Região Nordeste é a que tem o maior número de destinos turísticos escolhidos na primeira etapa do programa com dez rotas. A Região Centro-Oeste terá quatro rotas; A Norte, sete; a Sul terá quatro destinos; e a Sudeste, cinco. Em Sergipe, além de São Cristóvão, serão beneficiados Aracaju, Laranjeiras, Itabaiana, Estância e Canindé de São Francisco.

Deixe Uma Resposta