Preço da cesta básica aracajuana tem redução de 2,7%, em setembro

0

Análise realizada pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica, realizada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), apontou que o valor da cesta básica registrado na capital sergipana, em setembro, ficou em R$ 344,16. Em termos relativos, verificou-se redução de aproximadamente 2,7%, quando comparado com o valor da cesta básica do mês imediatamente anterior, último mês de agosto. Houve redução no valor da cesta básica em 20 das 21 capitais analisadas. As maiores reduções ocorreram em Maceió (-5,2%), Fortaleza (-4,9%) e João Pessoa (-4,6%). A única capital que apresentou elevação no valor da cesta básica foi Campo Grande (1,2%), na mesma base de comparação.

Na comparação com o mês de setembro do ano passado, houve redução no valor da cesta básica, em todas as capitais, em Aracaju a redução foi de 7,6%, entretanto a maior retração foi registrada em Cuiabá, de 19,1%, e a menor retração foi observada em Goiânia, ficando em 5,2%. Dentre as capitais brasileiras pesquisadas, no mês de setembro, a cesta básica de Aracaju registrou o sexto menor valor do país. O menor valor da cesta foi registrado em Salvador (R$ 318,52), e o maior valor foi verificado em Porto Alegre (R$ 436,68).

Desempenho dos preços dos produtos da cesta básica de Aracaju em setembro/2017

Houve queda nos preços de quase todos os produtos da cesta básica aracajuana, na comparação mensal (agosto/2017). As únicas altas foram registradas nos preços do açúcar (1,9%), do arroz (1,8%) e do pão (0,8%). Já a maior retração foi verificada no preço do tomate, que ficou 13,6%, abaixo do registrado no mês anterior. Dentre os demais produtos, as reduções mais significativas foram observadas no feijão (-4,1%), na banana (-3,1%) e na farinha (-2,4%). Assim como em Aracaju, o preço do tomate caiu em mais 19 capitais, já a farinha e o feijão ficaram mais baratos em todas as capitais pesquisadas.

Na comparação anual, setembro do ano passado, apenas seis produtos da cesta básica de Aracaju tiveram aumentos nos preços, a maior alta foi observada na manteiga, que ficou 29,2% mais cara. Outras elevações foram observadas nos preços da farinha (24,1%), do café e da banana, ambos com elevações de 13,8%. Entre os produtos que tiveram seus preços reduzidos estão: o feijão (-54,8%), o leite (-20,5%) e o açúcar (-16%).

Unicom/FIES

Deixe Uma Resposta