Nova tentativa

0

Com o desembargador Diógenes Barreto tendo negado na última segunda-feira o pedido de habeas corpus para a presidente estadual do DEM, Ana Alves, presa desde a sexta-feira passada no Presídio Feminino de Nossa Senhora do Socorro, a sua defesa protocolou ontem novo pedido de habeas corpus junto a 2ª Vara Criminal em Aracaju, que foi quem expediu o mandado de prisão.

Ana Alves está presa há seis dias pela acusação de crimes de peculato, formação de organização criminosa e obstrução de investigação como consequência da Operação Caça-Fantasmas, que investiga cargos comissionados fantasmas na gestão do seu pai, o ex-prefeito João Alves Filho (DEM).

Informações chegadas à coluna dão conta que João Alves, que se encontra em Brasília e adoentado, não está sabendo da prisão da filha. Ele foi poupado pelos familiares. Já a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) tem conhecimento e adoeceu por conta do episódio. Os dois permanecem no Distrito Federal.

Quem chegou de Brasília para acompanhar todo o processo que levou a prisão de Ana Alves foi a sua irmã Cristina Alves.

Deixe Uma Resposta