Ministro do TSE decide pelo retorno de Cristiano a Prefeitura de Ilha das Flores

0

O prefeito cassado de Ilha das Flores, Cristiano Cavalcante (PSC), vai reassumir a prefeitura municipal. É que o ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sérgio Silveira Banhos, deferiu nesta quarta-feira (6) o pedido liminar apresentado pela sua defesa para que fosse reconduzido ao cargo junto com a sua vice Eleni Lisboa até que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SE) publique uma decisão sobre os embargos de declaração.

Cristiano, que ainda foi condenado a inelegibilidade por oito anos,  foi cassado por abuso de poder econômico nas eleições 2016 durante sessão do pleno do TRE-SE do último dia 15 de outubro. A denúncia partiu da Procuradoria Regional Eleitoral, que  o acusou na disputa pela reeleição de abuso de poder pelo uso de recursos públicos ao realizar pinturas, nas cores da coligação, de diversos bens públicos da cidade, durante todo o seu mandato e alguns às vésperas da realização do pleito. Trinta e dois bens públicos foram pintados nas cores verde e laranja, usadas na sua campanha.

A conduta da coligação é vedada pela legislação eleitoral e configura abuso de poder político e econômico. Para a Procuradoria Regional Eleitoral, a pintura dos prédios públicos foi extremamente abusiva e feriu a igualdade do certame. Além disso, foram afixadas imagens do prefeito no interior dos prédios, ratificando a promoção pessoal e o abuso de poder político do então prefeito e candidato à reeleição.

Cristiano e a vice tiveram mandatos cassados pelo TRE por 4×3. Como a decisão foi pelo afastamento imediato, vem respondendo interinamente pela prefeitura de Ilha das Flores o presidente da Câmara Municipal, Serginho (PSC), que é aliado do prefeito cassado.

Deixe Uma Resposta