Jackson visita obras do Centro de Turismo

0

O governador Jackson Barreto visitou as obras de reforma e recuperação do Complexo Turístico de Aracaju (Centro de Turismo) na manhã desta quinta-feira, 14. Acompanhado do secretário de Estado de Turismo, Fábio Henrique, Jackson percorreu as instalações de prédio histórico e conversou com comerciantes e visitantes.  As obras estão com 90% dos serviços concluídos e a previsão de entrega é outubro.

“Estamos fomentando o turismo e resgatando nossa história. O Centro de Turismo é um prédio muito imponente do início do século XX. Aqui, funcionou a antiga Escola Normal, que faz parte do nosso patrimônio histórico e que precisamos fortalecer. É daqui que os turistas levam lembranças de Aracaju, do nosso artesanato, do bordado, da cerâmica. É um local extremamente valioso para o turismo, para a história de Aracaju. Nosso intuito é oferecer condições adequadas aos comerciantes e aos turistas que frequentam o Centro”, declarou.

Durante a visita, o governador Jackson Barreto se emocionou com a demonstração de carinho e apoio das senhoras Doraci Monteiro Ferreira e Maria Hilda da Silva. “Fico feliz e emocionado com essas demonstrações e confiante de que estou no caminho certo, cumprindo a minha missão de servir a população de Sergipe”.

A reforma compreende o Centro de Comercialização, o Museu do Artesanato e o Centro de Informações Turísticas. O imóvel, tombado pelo patrimônio histórico do Estado e que outrora abrigava a Escola Normal, foi amplamente restaurado.  A obra de recuperação está sendo realizada com recursos da ordem de R$ 1,345 milhão, originários do Prodetur.

Na ocasião, o secretário de Estado do Turismo, Fábio Henrique, ressaltou a importância histórica do prédio, que abriga 28 lojistas. “É uma construção de 1911, que já funcionou a Escola Normal, entre outras coisas. É uma importância histórica de um prédio que estava praticamente em ruínas. Além disso, nós temos uma importância turística, porque aqui é o Centro de Turismo, no qual se encontra todo o artesanato produzido no estado de Sergipe, a exemplo da renda irlandesa e de tantos outros objetos que representam nosso artesanato e nossa cultura. É aqui que o turista vem. É importante que ele seja bem atendido, num local agradável e acolhedor”, frisou.

As intervenções preservam os elementos neoclássicos da arquitetura e da estrutura do prédio e incluem individualização das instalações elétricas, revisão da rede hidráulica, sistema contra incêndio e acessibilidade (rampas e piso táctil). Telhado e assoalho de madeira estão sendo recuperados.

Segundo o engenheiro Francisco Costa da Construtora Teccol, a obra encontra-se com 90% concluída.  “Falta pouca coisa. Já estamos na reta final da obra. Foi feito a individualização da parte elétrica de cada loja, a reforma da parte estrutural do prédio e de acabamento da estrutura. E também foi implantada acessibilidade, que não existia no prédio”, disse.

Voo Aracaju-Buenos Aires

Na oportunidade, o governador destacou a implantação de um voo regular ligando Aracaju a Buenos Aires como parte das ações empreendidas no fomento ao turismo em Sergipe. Com a assinatura do Termo de Acordo entre o governo do Estado de Sergipe e a Gol Linhas Aéreas, o Aeroporto Santa Maria receberá voo regular entre as duas capitais a partir de novembro.

“Foi um trabalho muito importante, que envolveu a secretaria de Turismo e também a secretaria da Fazenda. A secretaria da Fazenda em relação à questão redução do ICMS, para que a GOL possa fazer essa linha direta de Aracaju-Buenos Aires. A secretaria de Turismo vem desenvolvendo importantes obras. Estamos realizando, neste momento, o Projeto da Sarney, a urbanização de toda a área da Sarney. Esses  investimentos são extremamente importantes para ajudar na geração de emprego e renda”, destacou o governador.

Complexo de Turismo

A Reforma do Centro de Turismo integra a política de fomento ao turismo na região central de Aracaju, composta, ainda, pelo Palácio Museu Olímpio Campos, Museu da Gente Sergipana, Espaço Zé Peixe e Mercados.

Para o secretário de Estado da Comunicação Social, Sales Neto, as ações empreendidas pelo governo de Sergipe objetivam o fortalecimento do turismo no estado. “Ele faz parte de um complexo que envolve o Museu Palácio Olímpio Campos, restaurado no governador Marcelo Déda; o prédio do Cacique Chá, inaugurado pelo governador Jackson Barreto numa parceria com o Senac; e objetiva oferecer uma recepção acolhedora para turistas e sergipanos”, ressaltou.

Prodetur 

O Programa de Desenvolvimento do Turismo é uma linha de crédito entre o governo do Estado e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no valor de U$ 100 milhões (mais de R$ 300 milhões) para o desenvolvimento do turismo em Sergipe, no âmbito do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur Nacional). Caberá ao BID o financiamento de U$ 60 milhões e o restante, U$ 40 milhões, será de contrapartida estadual.

O Prodetur tem como objetivo contribuir para o fortalecimento da política nacional de turismo e consolidar a gestão turística cooperativa e descentralizada, oportunizando um modelo de desenvolvimento turístico a partir do qual os investimentos dos governos estaduais e municipais respondam tanto às especificidades locais, quanto a uma visão integral do turismo no Brasil.

Entre as obras está a construção de dois atracadouros no povoado Caibrós e na Ilha Mem de Sá, em Itaporanga; investimentos na construção e recuperação de orlas e equipamentos turísticos, de patrimônios históricos, na qualificação da mão-de-obra, infraestrutura de apoio e fortalecimento institucional do turismo. Através desses recursos, estão previstas diversas obras como a nova Orla de Aracaju, a construção da Orla do povoado Pontal; a implantação de esgotamento e da orla do povoado Crasto, em Santa Luzia do Itanhi; a construção da orlinha do povoado Curralinho, em Poço Redondo; a reforma da Orla Pôr do Sol e adequação urbanística das praias do litoral sul em Aracaju, a construção do esgotamento sanitário do Povoado Saúde, em Santana do São Francisco entre outros investimentos que transformarão significativamente o setor econômico do turismo em Sergipe

Fonte/ASN

Deixe Uma Resposta