Galeria J. Inácio lança exposição do artista paulista Wagner Kuroiwa

0
Mostra é a penúltima do ano e foi selecionada pelo edital de ocupação da Galeria
Na manhã dessa segunda-feira, 22, foi realizada a abertura da exposição ‘Cores e Letras’, do artista plástico e médico Kuroiwa, apresentada pela Galeria J. Inácio, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). Em função da reforma no prédio da Biblioteca Pública Epifânio Dória, que abriga as instalações da J. Inácio, a mostra, que foi contemplada via edital de ocupação, está exposta no Corredor Cultural ‘Irmão’ até o dia 20 de novembro.
Durante a celebração, o Secretário de Cultura, João Augusto Gama, aproveitou para demonstrar sua felicidade pelas oportunidades que a Secult tem conseguido oferecer aos artistas. ”Estamos felizes de receber o Wagner Kuroiwa e suas obras, porque a arte é plural e precisamos mostrar trabalhos tanto locais quanto nacionais, além de mais uma vez isso ser prova que os editais são instrumentos perfeitos para divulgação da cultura aqui no Estado e representação democrática do processo de participação”, declarou.
A abertura foi prestigiada por artistas locais e grupos de pesquisa, além do público que sempre marca presença nas exposições. Gabriel, estudante de Direito da UFS e membro do grupo de extensão e pesquisa (Direito, Arte e Literatura), que faz a ponte entre a área jurídica e artística, enfatizou os traços precisos de Kuroiwa e a obra que mais gostou. ”A exposição está fantástica porque ele mescla muitos elementos, de forma milimétrica e com uma precisão cirúrgica. A obra que eu mais gostei foi a ‘Juízo Final’, que  é muito reflexiva, além das cores que chamam muita atenção. O fato de ter um texto ao lado facilita mais ainda o entendimento do que ele quis passar com a obra”, destacou Gabriel.
Kuroiwa recebeu o carinho e elogio do público que ouviu atentamente suas palavras e admirou suas obras. _”Meu sentimento diante dessa realização é de gratidão à todos pela fraterna recepção a mim e a minha família, e isso é o que torna a arte prazerosa. A exposição está impecável do ponto de vista de montagem e espero que o público aprecie durante o tempo que ficar exposta”, ressaltou Kuroiwa.
Sobre o Edital de Ocupação
Promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult), o Edital de Ocupação da Galeria J. Inácio visa estimular a produção arte visual em Sergipe, assim como oferecer ao público acesso a mostras de qualidade. Cada um dos selecionados recebe um cachê de R$7mil, financiados com recursos do Fundo de Desenvolvimento Cultural e Artístico (FUNCART)

Deixe Uma Resposta