Empresários sergipanos permanecem confiantes e otimistas

0

A Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) divulgou a Sondagem Industrial e a Sondagem Indústria da Construção do mês de janeiro de 2018. Divulgou também o resultado da análise do Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) do mês de fevereiro. As pesquisas foram criadas pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com o objetivo de conhecer tendências e expectativas dos empresários do setor industrial. Os indicadores apresentados nas pesquisas variam no intervalo de 0 a 100 pontos, sendo que valores acima de 50 pontos indicam evolução positiva ou otimismo, já os valores abaixo desta linha divisória, apontam evolução negativa ou pessimismo.

A análise do ICEI – Índice de Confiança do Empresário Industrial, do mês de fevereiro de 2018, mostrou que os empresários sergipanos permanecem confiantes, uma vez que o índice ficou em 57,4 pontos (0,8 ponto, acima do registrado no mês anterior). Já o Indicador de Condições, que reflete as condições atuais da economia, ainda não está bom, uma vez que o indicador permaneceu abaixo da margem dos 50 pontos. O Indicador de Expectativas (para os próximos seis meses) somou 61,2 pontos, mostrando que os empresários continuam otimistas para os próximos meses.

A Sondagem Industrial de janeiro de 2018, mostrou que a Utilização da Capacidade Instalada (UCI) das empresas teve aumento de 1 ponto percentual, ficando em 63%, no mês de janeiro de 2018. Já o indicador referente ao Volume de produção somou 49,2 pontos, no mês em análise, registrando redução de 1,1 pontos, quando comparado ao mês anterior, indicando retração da produção. Os empresários sergipanos mostram-se mais otimistas, para os próximos seis meses, nos quesitos: Demanda por produtos (54,5 pontos) e de Compras de matéria-prima (52,9 pontos).

De acordo com os dados da Sondagem Indústria da Construção, também do mês de janeiro, o Nível de atividade efetiva-usual avançou 0,4 ponto, em relação ao mês anterior, apesar do avanço, o indicador permanece abaixo da margem dos 50 pontos (47,3 pontos). Os empresários sergipanos da Indústria da Construção ainda estão pouco otimistas, para os próximos seis meses, já que todos os indicadores de expectativas foram menores que os registrados no mês anterior. Entretanto, os empresários continuam otimistas e com boas expectativas para os Novos empreendimentos e serviços, assim como para o Número de empregados, que somaram 50,9 e 50 pontos, respectivamente.

Mais detalhes sobre a Sondagem Industrial, Sondagem Indústria da Construção e ICEI estão disponíveis no site do Núcleo de Informações Econômicas (NIE), da FIES, na página: nie.fies.org.br

Núcleo de Informações Econômicas – NIE/FIES

Deixe Uma Resposta