Diz que fica

0

Em pronunciamento ontem à Nação, o ainda presidente Michel Temer disse que não renunciaria ao mandato. “Não renunciarei. Repito, não renunciarei. Sei o que fiz e sei a correção dos meus atos. Exijo investigação plena e muito rápida para os esclarecimentos ao povo brasileiro. Essa situação de dubiedade ou de dúvida não pode persistir por muito tempo”, frisou.

Temer fez o pronunciamento no Palácio do Planalto, na companhia do líder do governo no Congresso Nacional, deputado federal André Moura (PSC); dos ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo); do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR); do vice-líder do PMDB na Câmara, Darcísio Perondi (RS), além do deputado federal Beto Mansur (PRB-SP).

Deixe Uma Resposta