Diário de Justiça publica recurso negado da defesa de prefeito de Lagarto

0

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Francisco Falcão, negou recurso de embargos de declaração no agravo em recurso especial interposto pela defesa do prefeito Valmir Monteiro (PSC-Lagarto), preso desde 22 de fevereiro pela acusação de desvio de recursos do matadouro público do município. A decisão foi publicada no Diário da Justiça dessa sexta-feira, 22.

Com essa decisão publicada no Diário da Justiça, Valmir Monteiro perde os direitos políticos por cinco anos. Ele também está proibido de contratar com o Poder Publico ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

O prefeito licenciado Walmir Monteiro foi preso na Operação Leak realizada pelos promotores de Justiça do GAECO e delegados e policiais da DEOTAP. A investigação diz respeito a desvios de verbas públicas do Matadouro Municipal de Lagarto e à prática do crime de Lavagem de Dinheiro pelo Prefeito de Lagarto e demais investigados.

Foram presos também o genro do prefeito, Igor Ribeiro Costa Aragão e os sócios da empresa JLM, Joel do Nascimento Cruz e Gildo Pinto dos Santos, acusados de serem “laranjas” de Walmir.

Deixe Uma Resposta