Defensoria Pública soluciona 100% dos conflitos familiares de forma extrajudicial

0

Com o objetivo de transformar o fim das relações familiares menos conflituosas e dolorosas entre as partes, a Defensoria Pública do Estado criou o projeto “Defensoria Pública na Condução de Alimentos e Divórcio Colaborativos – A transição familiar conduzida a partir do diálogo” de autoria do defensor público Aroldo Sávio Guimarães Maciel, que busca uma solução extrajudicial com atuação de práticas colaborativas de conciliação e mediação.

A cada dois meses serão realizadas diversas ações no município de Estância como audiências de mediação e palestras com a participação de defensores públicos, psicólogos, assistentes sociais e estagiários.

Na estréia do projeto – que aconteceu no último dia 5, na Comarca de Estância – 42 casais tiveram seus problemas solucionados de forma extrajudicial. “O foco inicial são as relações familiares como as questões de divórcio, guarda, pensão alimentícia, regulamentação de visitas, entre outras. Buscamos solucionar esses conflitos através da mediação e conciliação, evitando uma judicialização que é demorada, dolorosa, cansativa, custosa emocionalmente e financeiramente para as partes. Nessa primeira edição atendemos 42 famílias com 100% dos casos acordados, ou seja, as pessoas saíram já com os seus problemas solucionados. Todos os acordos são encaminhamos para homologação judicial”, disse o defensor público Aroldo Sávio Guimarães Maciel.

O próximo evento está previsto para o mês de fevereiro de 2018, mas com data e horário ainda a serem definidos.

Da assessoria

Deixe Uma Resposta