Crime eleitoral: Jairo diz que diretor usa o DER para cooptar lideranças

0

No Grande Expediente desta terça-feira,10, no plenário da Assembleia Legislativa o deputado Jairo Santana (PRB) reforçou a denúncia contra Adailton Martins por uso da máquina pública para cooptar lideranças do próprio deputado no Sertão e de Zezinho Guimarães em Itabaianinha, através de Janier.

 Jairo afirmou que não queria polemizar o assunto, mas resolveu falar diante da entrevista de Adailton concedida ao JL Politica, onde o mesmo confirma utilização do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe – DER para fazer política antecipada com a máquina pública “queria dar por encerrado, mas vejo a petulância, audácia e ousadia desse rapaz em desafiar o governo do estado e ficar por isso mesmo. Eu gostaria de perguntar ao Governador se ele mandou cooptar todas as lideranças que a gente tem lá no sertão, pois ele diz agir com o consentimento do Governador.  A Janier da Natville está atravessando também o caminho de Zezinho Guimarães”, desabafou o parlamentar.

Jairo voltou a citar a confissão de crime eleitoral cometido por Adailton Martins ao blog, ao qual ele afirma que os prefeitos tinham o procurado oferecendo algumas lideranças e aliados em contrapartida aos serviços ofertados pelo DER. “O senhor Governador precisa controlar o seu aliado”, tem horas que devemos desabafar “só ouvem as demandas do sertão quando a gente utiliza a Tribuna desta Casa”.

 Jairo de Glória disse que antes de procurar o Governador, ele vai primeiramente aos seus comandados para tentar resolver os problemas. “Quero deixar claro aqui que não tenho ciúmes de ninguém, sou desprovido de qualquer sentimento de vaidade, quem quiser ser candidato, que saia candidato, o que não é justo são os benefícios não chegar onde necessitam em detrimento a outras localidades. A operação tapa-buraco só chegou na região do sertão depois de atender os interesses de Adailton Martins. Eu não admito isso, eu sou aliado, mas não sou subserviente. Tenho sido um aliado correto nesta Casa, todo mundo sabe que eu sou de grupo, mas existem situações que a gente não pode se calar, até porque nós estamos aqui para defender os interesses do Povo”, alfinetou o deputado.

Moritos Matos

Em aparte, o deputado Moritos Matos (PROS) reforçou que são denúncias graves “é obrigação do governador chamar este senhor para conversar e investigar de que forma este senhor está utilizando o órgão público para se beneficiar politicamente. Isso é completamente errado. Pergunte diretamente ao Governador se ele vai deixar esse senhor fazendo o que está fazendo com dinheiro público. Ele está trazendo lideranças e/ou essas lideranças estão se oferecendo, são denunciados gravíssimas que o senhor traz a esta casa, eu gostaria de parabenizar o Vossa Excelência, que chegou essa semana com todo gás”, reforçou Moritos.

Georgeo Passos

Outro aparte foi utilizado por deputados Georgeo Passos (PTC), para se solidarizar ao deputado Jairo e exigir mais respeito aos parlamentares. “Não só a nós deputados mas a todos os servidores deve haver respeito, principalmente a nós deputados aqui desta casa. Palavras duras que foram proferidas por Adailton, ele deve ponderar, enquanto cidadão ele pode falar o que quiser, mas exercendo a função pública ele deve manter o respeito que esse Parlamento merece”, acrescentou Georgeo.

Capitão Samuel

O deputado Capitão Samuel (PSL) também se solidarizou ao deputado Jairo. “Eu acho assim, que nas próximas votações que o Governo fizer reuniões para voltar à pauta do governo, os projetos do Governo, vamos chamar Adailton para vir votar, vamos convidar o genro Almeida Lima para vir aqui votar, vamos convidar o Leal para vir aqui votar. Todos devem assumir o ônus e o bônus. Chegou a hora de tomar uma atitude”, esbravejou Samuel.

Da assessoria

Deixe Uma Resposta