Candidato a governador do partido de Bolsonaro declara apoio a Haddad em Sergipe e é ameaçado de morte

0

Após declaração de apoio ao presidenciável Fernando Haddad (PT) o candidato a governador derrotado em Sergipe, Eduardo Cassini (PSL), passou a receber ameaças de morte por telefone. Segundo ele, as ameaças vêm desde que declarou apoio ao candidato petista na tarde dessa quinta-feira, 11, durante ato do PT em Aracaju.

De acordo com Cassini, que é do mesmo partido do presidenciável Jair Bolsonaro, as ameaças de morte incluem familiares. Ressalta que comunicou aos amigos sobre as ameaças e teme que algo aconteça.

Além de apoio a Bolsonaro, o ex-candidato a governador do PSL declarou apoio a Belivaldo Chagas neste 2º turno das eleições no ato do PT. Ele foi o candidato a governador do PSL em substituição a João Tarantella (PSL), que teve sua candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Deixe Uma Resposta